Simpósio IPB 2015

CONVOCATÓRIA

“O discurso do mestre, por exemplo, seu fim, é que as coisas andem no passo de todo mundo. Pois bem, isso não é de modo algum a mesma coisa que o Real, porque o Real, justamente, é o que não anda, é uma pedra no meio do caminho, bem mais, é o que não cessa de se repetir para entravar a marcha” (LACAN, 1974, A Terceira).

 O sucesso da psicanálise é o fracasso daquilo que lhe é demandado, isto é, a busca de sentido. Trata-se, pois, de desconstruir os sentidos que aprisionam o sujeito, liberando-o para o não senso do desejo – sustentando o impossível do Real. Isso não é sem efeitos – efeitos radicais para a vida de uma pessoa que passa por essa experiência.
O que vem sendo possível apreender desses efeitos num só depois da experiência, seja no discurso analítico ou no discurso social?
Sendo o discurso analítico o avesso do discurso do mestre, convocando o impossível do Real, como considerar, hoje, os impossíveis freudianos: educar, governar e psicanalisar?


Prezados colegas,

O Simpósio de Intersecção Psicanalítica do Brasil se realizará, neste ano de 2015, na cidade do Recife-PE.

Data:       26 de setembro de 2015
Horário:  8:30 h às 12:30 h   /  14:30 h às 19 h

Comissão Organizadora: Irene Melo, Grace Novaes, Sandra Walter

simpósio-ipb-2015-recife